PREVENÇÃO - COVID-19

Manuseio do Lixo - Prédios e Condomínios

A Pandemia da covid-19 afetou a rotina de funcionários e moradores de condomínios.

Mesmo tomando todos os cuidados, ainda assim é possível que surja algum caso de coronavírus no condomínio. Neste caso, o ideal é que o morador informe o síndico sobre a suspeita ou confirmação da doença, para que o gestor possa agir.

Administrar a pandemia do coronavírus no condomínio, bem como outras doenças infecciosas, não é tarefa fácil.

É importante adotar medidas rigorosas para o descarte do lixo:

Para preservar a saúde dos coletores, agentes de limpeza e demais profissionais, é preciso que tanto os moradores quanto o condomínio tomem os devidos cuidados de higienização na hora do descarte do lixo. Isso porque o saco vazando pode, sim, contaminar quem faz a coleta, mesmo que os equipamentos de proteção individual sejam usados pelo funcionário.

Caso um morador esteja com suspeita ou que tenha recebido o diagnóstico de Covid-19, deve ter uma lixeira separada, de uso exclusivo.

Quem coleta estes resíduos deve usar equipamento de proteção individual, retirando o saco de lixo do cesto pelo lado de fora, de modo que não vazem ar e líquidos, fazendo com que o vírus fique dentro do saco totalmente lacrado.O lixo comum e lixo reciclado devem ser descartados juntos – somente no caso de suspeita ou confirmação do diagnóstico.

No vídeo abaixo, explicamos em 3 passos simples, quais as medidas que podemos adotar e que podem ajudar nesse processo.