Gestão de FAP e NTEP em SST: estratégias para um ambiente de trabalho sustentável

A Saúde e Segurança no Trabalho (SST) tem se consolidado como um pilar fundamental nas organizações conscientes do seu papel no bem-estar dos empregados e na sua performance econômica. Em meio a esse cenário, o Fator Acidentário de Prevenção (FAP) e o Nexo Técnico Epidemiológico Previdenciário (NTEP) surgem como elementos-chave para a gestão eficiente, influenciando diretamente a carga tributária relacionada aos riscos laborais.

Neste artigo, abordaremos a importância de uma abordagem antecipada e integrada desses componentes, incluindo a gestão dos atestados médicos, para promover um ambiente de trabalho saudável e economicamente sustentável.

Conheça a gestão de FAP e NTEP na prática

Entender o cenário da SST requer, inicialmente, uma visão clara da relação entre o Seguro de Acidente do Trabalho (SAT) e os Riscos Ambientais do Trabalho (RAT).

Ambos estão inseridos no contexto das obrigações fiscais das empresas, mas cada um carrega sua especificidade.

O SAT é uma contribuição que garante apoio financeiro aos trabalhadores em caso de acidentes ou doenças ocupacionais, enquanto o RAT, uma alíquota incidente sobre a folha de pagamento, reflete o nível de risco das atividades empresariais e é direcionada à prevenção desses mesmos acidentes e doenças.

O FAP, por sua vez, é um multiplicador variável do RAT que premia ou penaliza as empresas segundo seu desempenho na prevenção e no número de ocorrências de acidentes de trabalho.

Uma gestão proativa e eficaz do FAP e do NTEP é crucial, pois, ao identificar precocemente os casos de NTEP e gerenciar os atestados médicos que resultam em afastamentos superiores a 15 dias, as empresas podem evitar a concessão de benefícios previdenciários acidentários que impactam negativamente o FAP.

Nesse processo, a gestão dos atestados médicos assume um papel central. A análise cuidadosa desses documentos permite não só a identificação de padrões de afastamento e possíveis condições de NTEP como, também, a implementação de ações corretivas imediatas, que podem evitar afastamentos prolongados e consequentes majorações no FAP. 

Nossa plataforma online de gestão de SST – SOC se apresenta como uma aliada indispensável, fornecendo um sistema organizado para o registro e o monitoramento dos atestados e facilitando a tomada de decisão baseada em dados concretos.

Saúde empresarial e eficiência econômica

A gestão integrada e estratégica de elementos como FAP e NTEP, aliada à atenção rigorosa aos atestados médicos, é mais do que uma medida de conformidade legal, é uma estratégia empresarial que promove a saúde dos trabalhadores e, ao mesmo tempo, protege a empresa contra custos inesperados e elevação de tributos.

Com a adoção de práticas proativas e o suporte de tecnologias especializadas, as organizações podem se destacar tanto pela sua responsabilidade social quanto pela eficiência econômica.

Não deixe para amanhã a saúde dos seus colaboradores e a estabilidade financeira da sua empresa.

Conheça as soluções que a Perfil Gestão Ocupacional oferece em SST e veja como podemos ajudar a otimizar a gestão do FAP e do NTEP na sua organização.

Acesse nosso site para mais informações ou entre em contato para uma análise detalhada das suas necessidades específicas.

Artigos relacionados

Após dois anos do início da obrigatoriedade da implementação do eSocial na Saúde e Segurança no Trabalho (SST), muitas empresas já puderam observar...

Domicílio Eletrônico Trabalhista

Domicílio Eletrônico Trabalhista (DET): saiba como funciona

...

Após completar 28 anos de atuação no litoral paulista, a Perfil Gestão Ocupacional celebra mais uma grande conquista em 2024. No mês de...

NRs

Neste artigo, vamos mencionar as recentes atualizações das Normas Regulamentadoras (NRs) e seus impactos direto no ambiente de trabalho das empresas. Como líderes...